Miscelâneas


Boaventurar
 Maria Aparecida Vianna Lodi  


Ao boaventurar-me na pesquisa
Encontrei caminhos dantes desconhecidos,
Diante de uma diversidade de saberes,
Que promoveram-me diálogos e encontros

Os desencontros, desconstruções e ausências
Foram-me necessários para estimular outras racionalidades
Que provocaram-me o entendimento da complexidade,
E assim ziguezaguear diante das diversidades

O vivido e vivenciado deixaram-me vestígios e pistas
De uma historicidade compartilhada, engajada
E enredada em movimentos ético-políticos
Que conduziram-me à inúmeras experiências

Que a diferença estimule a alteridade, a autonomia,
A participação, a inclusão, e a reciprocidade
E  na interface das culturas, se experencie a ética
E assim tecermos emergencialmente, os fios da vida

E para dar sentido e significado ao saber
É preciso boaventurar-se no campo da pesquisa
Trilhando entre o desejável e o possível
E se necessário for, aventurar-se...











2 comentários:

  1. E vamos que vamos em nossas boaventuranças Cida.
    Parabéns pelo poema!

    ResponderExcluir